quarta-feira, 6 de junho de 2012

Oh que caraças que ninguém me deixa dormir!

Hoje acordei com o toque do telemóvel. Era a minha colega a perguntar-me o que se passava para ainda não estar na empresa àquela hora. Disse-lhe que estava a dormir e que assim iria continuar, que não me chateasse, que fizesse queixa ao patrão, ao Camões, a quem quisesse. Ela não percebeu nada e perguntou-me se eu estava a brincava. Disse-lhe que não, que estava a falar a sério, que não esperassem por mim, que se desenrascassem, que eu queria dormir. Ela , indignada, desligou, e eu virei-me para o outro lado e fechei os olhos.

Dez minutos depois ligou o meu patrão aos gritos, a perguntar-me o que se passava comigo, se eu estava louca, que eu não podia responder assim, que fosse imediatamente para a empresa e blá blá blá. Ouvi-o calmamente entre uma espreguiçadela e outra, deixei-o berrar durante cinco minutos e, assim que se calou, disse-lhe que não estava com muita pachorra para o ouvir, que se calasse, que estava cheia de sono, que ia voltar a dormir e que, da parte da tarde, quando estivesse mais desperta, ligaria para a empresa para esclarecer toda e qualquer dúvida que houvesse em relação ao meu trabalho, já que alguém iria ter de ficar com ele. Desliguei, virei-me para o outro lado e continuei a dormir.

Passados dez minutos a minha colega ligou-me novamente. Oh que caraças que ninguém me deixava dormir em paz! Lá atendi e voltei a ouvir um monte de perguntas:

“Mas tu estás bem? Estás-te a passar? O patrão está possesso, pá! “ e blá blá blá.

Voltei a dizer que queria dormir, que me deixassem em paz, que não me incomodassem, que ia desligar o telemóvel, que já me estava a irritar, que já tinha dito ao patrão que ligava da parte da tarde, que não estava com pachorra para cenas àquela hora, que me deixassem dormir sossegada. Ela desligou a chamada e eu desliguei o telemóvel. Virei-me para o outro lado e voltei a fechar os olhos.

De repente toca o alarme do telemóvel. Oh que caraças que eu não consigo dormir hoje, hein?! Olhei para as horas. Oito e meia. Sentei-me na cama meio confusa, fiquei ali uns segundos a pensar, acordei alguns neurónios até que, finalmente, caiu a ficha. Tinha estado a sonhar e não me saíu o euromilhões. E eu queria tanto ficar a dormir...

24 comentários:

  1. É um enorme sinal que estás a precisar de férias e de mudar de ares

    Muito bom relato :)

    ResponderEliminar
  2. fónix, e eles ligaram-te aos gritos antes das 8 da manhã? mas pqp, a que horas é que tu entras?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não Isa, isso era em sonhos e supostamente mais tarde:)

      Eliminar
  3. Sonhar que estás a dormir? Hmmmm....isso pede mesmo férias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não Jedi, "sonhar" que me tinha saído o euromilhões e que podia agir daquela forma.

      Eliminar
  4. Só em sonhos é que poderias dar-te a esse luxo... já me apeteceu tantas vezes inventar dores de cabeça. :P em 1 ano e 8 meses de empresa, só faltei duas manhãs, e para tese ou para consultas.

    ResponderEliminar
  5. Ui, eu já a pensar que se passava alguma coisa contigo para reagires assim. Ahahah grande sonho, hein?

    ResponderEliminar
  6. Esse sonho só pode querer dizer que tens de te "dedicar a outros voos", mudar de emprego =)

    Mil pétalas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Irina, quer dizer é que tenho de jogar mais vezes, porque independentemente do emprego que tivesse, esta seria sempre a minha reacção:)

      Eliminar
  7. Já te estava a achar ligeiramente anormal. Ainda bem que foi a sonhar :D

    ResponderEliminar
  8. Eu por acaso nunca tive um sonho desses.. e dou me bem com todos aqui no trabalho!Dizem que os sonhos são os nossos maiores desejos ou medos!

    ResponderEliminar
  9. Ok, eu vou explicar:

    Este texto não tem nada a ver com o tipo de trabalho, com o facto de gostar ou não dele, com o estar a precisar de férias, nem sequer com o dar-me bem ou dar-me mal com as pessoas aqui dentro (até me dou muito bem!). Isto tem apenas a ver com uma situação hipotética de ganhar o euromilhões, seria apenas o cenário mais provável da manha seguinte, independentemente do trabalho que tivesse.

    Eu não sonhei com isto, minha gente, quanto muito, sonhei (como faço sempre) acordada antes do sorteio:)

    É apenas um "se eu ganhasse o euromilhões...".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. putz, promete que fazes isso :) e vens aqui contar antes de ires pras Maldivas ou assim :D é uma excelente ideia.

      Eliminar
  10. Oh pah quantas vezes eu já sonhei com o despertador, desligo-o ainda dormir e continuo...depois olha fico atrasada!!! Mas se eu ganhasse o euromilhões nem tinha o telemóvel ligado! Pirava-me logo pelo mundo fora!!!
    (sim eu percebi à primeira...)

    ResponderEliminar
  11. eu confesso, precisei de chegar à explicação para perceber o post ... e já estava a ficar preocupada :))

    saudaditas**

    ResponderEliminar
  12. Ah ah ah ah ah genial!
    Por momentos, pensei que te estivesses a passar, mas aguentei pois vi logo que seria algo muito bem esgalhado.

    ResponderEliminar
  13. Ehehehehehe... e não é que apetece ficar a xonar, quando não o podemos fazer?!
    Hummm... como dizia o Pessoa... Que bom ter que cumprir um dever e não o fazer!!
    Beijinhos,

    ResponderEliminar
  14. ahahah pensava que tinha sido a sério e estava a pensar "isto vai acabar mal". Afinal foi um sonho :D

    ResponderEliminar
  15. E eu qué já ía comentar "espero que a fila para entregar os papeis do fundo de desemprego seja pequena"

    ResponderEliminar
  16. Por momentos assustei-me!! Pensei, queres lá ver a coragem dela, quem me dera, desligar o telefone na cara do meu patrão era das maiores alegrias e sair daquela empresa a felicidade plena!!!
    Grande sonho esse, sair o euromilhões, é jogares :)

    ResponderEliminar
  17. Ter sonhos com o trabalho para onde não se quer ir não é bom.
    Amanhã terás de voltar para lá.
    Espero que esta noite não tenhas sonhos maus.

    ResponderEliminar
  18. E eu a pensar que os meus sonhos eram malucos! O prémio é todo teu! :)

    ResponderEliminar