domingo, 29 de janeiro de 2012

São lágrimas, senhor!

Hoje chorei. Ok, foram só duas ou três lágrimas, mas chorei. E é estranho constatar como uma coisa tão simples e banal me conseguiu surpreender tanto. Sim, eu fiquei estupidamente surpreendida comigo mesma. Cheguei a levar os dedos aos olhos para ver se era mesmo verdade. E era. Ali estavam aquelas duas ou três lágrimas perdidas a cair-me pelo rosto. Já não sabia como era. Já nem me lembrava da última vez que tinha chorado por alguma coisa. Nem porquê. E se, por um lado, isso até é bom sinal, pois significa que não tenho tido motivos para chorar, por outro, não deixa de ser preocupante, pois só demonstra que há muito perdi a capacidade de me emocionar seja com o que for. Ou achava que tinha perdido, até hoje. Sim, porque não foi de tristeza que aquelas duas ou três lágrimas caíram, foi de emoção. Ok, a coisa aconteceu ao ver uma cena numa série, mas conta na mesma, não conta?

29 comentários:

  1. A sério?!De uma série?Okidoki.Confesso ser difícil sentir emoções em filmes/series, mas ocasionalmente lá sai uma forte gargalhada, um "Yeeaahh!" ou até mesmo um saltinho num filme de terror ou do género.
    Bem, mas deve contar...Ao menos demonstra que consegues emocionar-te com algo e, ao contrário do que pensas, não deixas-te de "sentir".E lágrimas de alegria são sempre as que sabem melhor.
    Já te vi sorrir várias e valeu sempre a pena.Ver-te chorar não.Mas se fossem lágrimas de alegria, o momento seria de certeza,contagiante! He!He!

    ResponderEliminar
  2. Chorar também faz parte da vida ;D

    ResponderEliminar
  3. Claro que conta. Eu ia quase vertendo uma lágrima a ver Os Descendentes. Mas não chegou a cair. Espero que conte na mesma.

    ResponderEliminar
  4. Diria que o argumento, assim como os actores devem ser excelentes, mediante a forma como escreveste. Chorar faz bem, apesar das nuances.

    :)

    ResponderEliminar
  5. conta siiiiiim :)

    e por muitas 'trombadas' que a vida nos dê eu continuo a acreditar que temos sempre a capacidade de nos surpreender e principalmente de sentir emoção, seja boa ou nem por isso ...

    **

    ResponderEliminar
  6. Então não conta? Eu pareço uma Madalena arrependida a chorar com filmes lamechas, ahah :)

    ResponderEliminar
  7. Johnny,

    Tenho aqui Os Descendentes para ver amanha. Tu queres ver que vou chorar outra vez?:)

    ResponderEliminar
  8. Também gosto de me emocionar...
    É sinal que estou bem vivo!

    ResponderEliminar
  9. Eu sou uma chorona. Então filmes e séries... Alguns recuso-me a ver pois já sei que vai haver choradeira.

    ResponderEliminar
  10. Confesso que volta na volta... isso me acontece ...

    ResponderEliminar
  11. Eu Mesma,

    Perceber que não choras há muito tempo ou chorares por causa de algo na tv?

    ResponderEliminar
  12. Também costumo chorar com coisas de séries e de filmes. São as coisas que nos comovem que nos fazem chorar, sejam ficção ou realidade!

    ResponderEliminar
  13. A mim volta e meia também me acontece: não chorar há muito tempo e chorar com coisas de séries ou filmes.

    ResponderEliminar
  14. Só vale se for a ver o Peso Pesado. :|

    ResponderEliminar
  15. A sensibilidade não morre, esconde-se, esquece-se, mas reaparece sempre de modo inesperado que muitas vezes, por esse mesmo motivo, desejamos saber como controlar.

    ResponderEliminar
  16. Olá,
    chorar faz bem e limpa luto o que tínhamos acumulado.

    Bjs
    E fica bem

    ResponderEliminar
  17. Conta, pois :) Mas já eu sou a versão oposta: choro por tudo e por nada. Felicidade ou tristeza. A ver séries ou na real life. Enfim, sou uma pequena florzinha =P Acho que surpreendente para mim seria encontrar um mês (uma semana?) em que lágrima não tivesse vertido!

    P.S. --» O teu comentário no meu blog foi brilhante!

    P.S. 2 --» Eu, que verto lágrima facilmente, achei que Os Descendentes não era dos mais lacrimejantes!

    ResponderEliminar
  18. Claro que conta, sentiste emoção e isso vale sempre! Seja com o que for. De certeza que era só uma parte de ti que estava apenas adormecida pois, pelos vistos, está mesmo aí :)

    ResponderEliminar
  19. Claro que conta. Eu por outro lado choro imenso, com tudo,chega a ser ridículo...

    ResponderEliminar
  20. Chorar por algo na tv só mesmo na fase tpm (fico tão lamechas credo), mas tu na tua vida és fria, insensível ou simplesmente corre-te tudo às mil maravilhas?? (é que se for a terceira hipótese é um espectáculo!!)
    Ou ainda pensamento positivo até nas alturas menos boas, certo?

    ResponderEliminar
  21. SuperSónica,

    Por um lado, não tenho tido motivos para chorar há muito tempo. Por outro, confesso que não sou de lágrima fácil, mesmo que determinadas situações me toquem ou emocionem, as lágrimas não caem. Bom, desta vez caíram e daí o espanto.

    (ainda por cima com uma cena tão estúpida:D)

    ResponderEliminar
  22. Ana, tu és demais! hehe
    beijinho

    ResponderEliminar
  23. Já eu, choro por tudo e por nada. Sou uma lamechas mesmo.

    Big Kisses

    ResponderEliminar
  24. Eu emociono-me com facilidade ;)

    ResponderEliminar
  25. Todas as lágrimas contam... e enquanto estiveres viva... uma lágrima é vida! :)

    Todas as lágrimas contam! :)

    beijo
    Sutra

    ResponderEliminar